Lucas Silveira está prestes a conquistar o mundo

 
 

Ninguém gosta de estereótipos. Mas o fato é que, se você mostrasse esse vídeo para um gringo, o cara nunca adivinharia que Lucas Silveira é brasileiro. Daria para dizer que o surfista nasceu no Oeste da Austrália ou no Hawaii. Não há problema algum com o surf dos outros prós brasileiros - vide os títulos mundiais - mas não é qualquer um que domina tão bem ondas de qualidade e consequência como o carioca radicado em Florianópolis.

Seus anos de moleque ficaram para trás - rendendo um mundial Pro Junior - e agora, o objetivo é a elite. "Ele tem o know-how, está surfando muito bem qualquer tipo de onda. Acho que só falta um ajustezinho na parte de competição para ele explodir no WQS e conquistar a vaga no CT", analiza seu treinador Leandro Dora, o Grilo. "Eu creio muito que isso vai acontecer a qualquer momento." E, se tem uma pessoa para fazer este trabalho, é o treinador de Adriano de Souza, Yago Dora e Tatiana Weston-Webb.

Se este jovem tem algo a provar, é para si mesmo - aos nossos olhos, os tubos monstruosos e paredes dilaceradas já falam por si. E este ano Lucas vai longe, se 2017 for algum indício. Ainda mais quando retratado pelo olhar refinado do filmmaker Loïc Wirth.

Aperte o play porque esses 6 minutos não são brincadeira: