Reunimos todas as notas 10 do ano (passado)

 

Ah, a perfeição. Ela existe no surf? Uma nota 10, sob os olhos dos juízes, pode significar uma onda surfada com absoluta perfeição. Mas a verdade é que esse absoluto não existe, e toda nota dez é um prato cheio para polêmica. E se aquele tubo deep, perfeito, saindo na baforada recebe um dez e, logo depois, na onda seguinte, o oponente pega um tubo melhor ainda, e ainda dá um backflip na junção sobre uma bancada de coral? Como faz, seu juiz? O que acontece agora?

O que acontece é só uma coisa - polêmica. Discussões na internet, na webcast, nas revistas, nos grupos de WhatsApp, na mesa de almoço. E, afinal, todo mundo sabe que a melhor parte do surf profissional são as discussões, as polêmicas. É para isso que a WSL existe. E também para isso que fizemos esse post - para entreter e alimentar a polêmica. Essas discussões não podem morrer. Reunimos todas as notas 10 do ano para manter a chama da polêmica acesa, e você continuar discutindo aqueles erros de julgamento depois que o ano terminar. Assista:

GOLD COAST:

Italo Ferreira - Round 2 Heat 7

Ezekiel Lau - Round 3 Heat 7

MARGARET RIVER:

Sebastian Zietz - Round 1 Heat 12

BELLS BEACH:

Filipe Toledo - Round 1 Heat 11

J-BAY:

Filipe Toledo - Round 2 Heat 8

Filipe Toledo - Round 4 Heat 3

A bateria perfeita de Jordy Smith, com duas notas 10 - Round 3 Heat 7

Julian Wilson - Round 3 Heat 9

John John Florence - Round 4 heat 2

Frederico Morais - Quartas de final, Heat 2

TAHITI:

Gabriel Medina - Quartas de final, Heat 1