YOUTUBE SESSIONS // Mimpi

 

O maior festival de filmes de surf e skate da América Latina está se aproximando. Para aquecer os motores, resolvemos resgatar os melhores projetos da edição de 2016 para você assistir no conforto do seu navegador.. O MIMPI possibilita a exposição de diferentes perspectivas dentro de um mesmo tema, reunindo a visão  dos melhores filmmakers nacionais e internacionais desse universo. O festival deste ano rolará entre os dias 17 e 20 de novembro, na Zona Sul do Rio de Janeiro -- e a lista dos finalistas já está disponível.

 

SPIRIT QUEST

Direção: Collin Read (EUA)

Não é à toa que Spirit Quest ganhou a categoria “Melhor Longa Estrangeiro”. A edição e a fotografia da produção fogem do lugar comum -- cortes esquisitos, transições bem boladas e uma captação old school fazem deste filme de skate um destaque dentre as produções do Mimpi 2016. Apenas o trailer foi disponibilizado online, mas vale a pena deixar de tomar um açaí para apreciar uma obra audiovisual de qualidade.

 
 

 

 

UM FILME DE SURFE

Direção: Bruno Zanin (BRA)

Yago Dora, Lucas Silveira e Yuri Gonçalves viajam para uma ilha remota na Indonésia, acompanhados do filmmaker catarinense Bruno Zanin e o técnico Leandro Dora, a fim de desbravar a costa inexplorada, treinar -- e, claro, passar alguns perrengues. Ganhador da “Melhor Trilha Sonora”, Um Filme de Surfe homenageia Ricardo dos Santos e nos mostra um retrato da vivência à mercê da selva.

 

WAVEFORM

Direção: Stefan Nadelman (EUA)

Inspirado nas formas e aspectos que a natureza fornece, o diretor americano Stefan Nadelman foge dos padrões com cortes que renderam o prêmio de “Melhor Edição”. Estrelando surfistas como Jordy Smith, Malia Manuel e Mark Mathews, a produção conquistou seu devido espaço dentre as demais no ano passado no Rio.

 

A PEDRA E O FAROL

Direção: Luciano Burin (BRA)

A Pedra e o Farol -- vencedor na categoria "Melhor Longa Nacional" -- foi produzido e dirigido pelo carioca Luciano Burin, resgatando as histórias sobre a Pedra do Campo Bom, popularmente conhecida como Laje de Jaguaruna. O documentário retrata a forte influência da laje na formação cultural e histórica do sul de Santa Catarina -- mais especificamente, a cidade de Laguna e o Farol de Santa Marta. Este é outro filme que não está disponível na internet -- mas só o trailer já dá uma boa ideia da história e da qualidade da obra. Para compensar, colocamos abaixo também o vídeo de uma das sessions que rolaram na região durante a captação.

Clipe reunindo imagens do surfista André Luiz no Farol de Santa Marta e Jaguaruna durante as gravações do documentário A Pedra e o Farol.